Menu fechado

Emprego do sinal indicativo de crase

APOSTILA PARA FUNDAC- PB 2019

APOSTILA PARA MP-SP 2019

SAIBA POR QUE INDICO AS APOSTILAS OPÇÃO

Emprego do sinal indicativo de crase

A ortografia oficial de uma língua é o conjunto de regras e padrões que definem a forma correta de escrita das palavras (emprego das letras), bem como o uso correto dos sinais de acentuação, emprego do sinal indicativo de crase e dos sinais de pontuação.

Nesta postagem veremos o emprego do sinal indicativo de crase e no final dela tem links para as postagens sobre emprego das letrasacentuação gráfica e sinais de pontuação.

 

CRASE: é uma palavra de origem grega e significa “mistura”“fusão”. Nos estudos de Língua Portuguesa, é o nome dado à fusão ou contração de duas letras “a” em uma só. A crase é indicada pelo acento grave (`) sobre o “a”. Crase, portanto, NÃO é o nome do acento, mas do fenômeno (junção aa) representado através do acento grave.

A crase pode ser a fusão da preposição a com:

1) o artigo feminino definido a (ou as): Fomos à cidade e assistimos às festas.

2) o pronome demonstrativo a (ou as): Irei às (lojas) do centro.

3) os pronomes demonstrativos aquele(s)aquela(s)aquilo: Refiro-me àquele fato.

4)a dos pronomes relativos a qualas quais: Há cidades brasileiras às quais não é possível enviar correspondência.

Observe que a ocorrência da crase depende da verificação da existência de duas vogais “a” (preposição + artigo ou preposição + pronome) no contexto sintático.

 

REGRAS PRÁTICAS

1 – Substitua a palavra feminina por uma masculina, de mesma natureza. Se aparecer a combinação ao, é certo que OCORRERÁ crase antes do termo feminino:

Amanhã iremos ao colégio / à escola.

Prefiro o futebol ao voleibol / à natação.

Resolvi o problema / a questão.

Vou ao campo / à praia.

Eles foram ao parque / à praça.

 

2 – Substitua o termo regente da preposição a por outro que exija uma preposição diferente (deempor). Se essas preposições não se contraírem com o artigo, ou seja, se não surgirem as formas da(s)na(s) ou pela(s), não haverá crase:

Refiro-me a você. (sem crase) – Gosto de você / Penso em você / Apaixonei-me por você.

Refiro-me à menina. (com crase) – Gosto da menina / Penso na menina / Apaixonei-me pela menina.

Começou a gritar. (sem crase) – Gosta de gritar / Insiste em gritar / Optou por gritar.

 

3 – Substitua verbos que transmitem a ideia de movimento (ir, voltar, vir, chegar etc.) pelo verbo voltar. Ocorrendo a preposição “de”, NÃO haverá crase. E se ocorrer a preposição “da”, HAVERÁ crase:

Vou a Roma. / Voltei de Roma.

PORTUGUÊS PARA CONCURSOS 2019

PORQUE RECOMENDO GRAN CURSOS ONLINE

Vou à Roma dos Césares. / Voltei da Roma dos Césares.

Voltarei a Paris e à Suiça. / Voltarei de Paris e da Suiça.

Ocorrendo a preposição “de”, NÃO haverá crase. E se ocorrer a preposição “da”, HAVERÁ crase:

Vou a Roma. / Voltei de Roma.

Vou à Roma dos Césares. / Voltei da Roma dos Césares.

Voltarei a Paris e à Suiça. / Voltarei de Paris e da Suiça.

 

ATENÇÃO: Uma das melhores maneiras de fixar conteúdos é fazendo questões de concursos: Emprego do sinal indicativo de crase – Questões de concursos

 

4 – A crase deve ser usada no caso de locuções, ou seja, reunião de palavras que equivalem a uma só ideia. Se a locução começar por preposição e se o núcleo da locução for palavra feminina, então haverá crase:

Gente à toa.

Vire à direita.

Tudo às claras.

Hoje à noite.

Navio à deriva.

Tudo às avessas.

No caso da locução “à moda de”, a expressão “moda de” pode vir subentendida, deixando apenas o “à” expresso, como nos exemplos que seguem:

Sapatos à Luiz XV.

Relógios à Santos Dummont.

Filé à milanesa.

Churrasco à gaúcha.

No caso de locuções relativas a horários, somente no caso de horas definidas e especificadas ocorrerá a crase:

À meia-noite.

À uma hora.

À duas horas.

Às três e quarenta.

Para completar seus estudos sobre ortografia veja também as seguintes matérias: Emprego das letras,  acentuação gráfica e  sinais de pontuação.

Dicas importantes:

 

Sei que é difícil encontrar todos os conteúdos na internet, por isso, para garantir sua aprovação eu recomendo fazer um curso online (Gran Cursos Online) ou adquirir uma apostila (Apostilas Opção).

 

Gran Curso Online: Milhares de videoaulas e PDF. 230 mil questões de concursos e com mais de 650 mil aprovados. Saiba mais!

 

Apostilas Opção: 26 anos no mercado, produzindo apostilas completas e atualizadas. Saiba mais! 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *