Menu fechado

Tag: concurso PC-SP

Crime consumado e crime tentado

Crime consumado e crime tentado

O art. 14 do Código Penal traz a definição de crime consumado e crime tentado.

Crime consumado

I – consumado, quando nele se reúnem todos os elementos de sua definição legal;

Tentativa

Crime doloso e crime culposo

Crime doloso e crime culposo

 

Crime doloso

O crime doloso, também chamado de crime ou dano comissivo ou intencional, é aquele em que o agente teve a intenção e a vontade de cometer o crime, ou seja, agiu livremente e era consciente de que estaria praticando o crime. Portanto, o sujeito está sabendo o que faz, como por exemplo, no caso de homicídio em que uma pessoa compra uma arma e dá um tiro em outra pessoa, matando-a.

Modalidades:

Compreensão de textos

Compreensão de textos

A compreensão de um texto é fazer uma análise objetiva do texto. É verificar o que realmente está escrito nele. Tem que estar escrito e não imaginar o que o autor quis dizer, ou seja, todas as informações devem estar presente no texto

Deve-se analisar os dados concretos e objetivos do texto.

Existem algumas expressões que fica claro que o que se quer analisar é a compreensão do texto:

Segundo o autor….

Segundo o texto….

O texto informa que….

No texto…..

O autor afirma que….

De acordo com o autor….

De acordo com o texto….

Fica claro nas expressões acima que as respostas deverão estar clara no texto, ou seja, você deve compreender o texto para tirar as conclusões.

 

Questão de concurso: Compreensão de textos

Ano: 2015 Banca: IADES Órgão: ELETROBRAS

Com relação à compreensão de trechos do texto, assinale a alternativa correta.

A O personagem lia e relia porque não conseguia dormir em razão da grande emoção que sentia.

B O personagem andava pela província, mas não conseguia praticar a caridade.

C À noite, na província, havia um grande barulho em torno do personagem.

D O sossego excessivo da noite fazia o personagem se perguntar sobre o que queria do mundo.

E A vela substituiu a eletricidade inexistente no local onde o personagem, na cama, lia.

RESPOSTA DA QUESTÃO LETRA E

Textos: dissertativo, narrativo e descritivo

Texto Dissertativo

O texto dissertativo trata-se de um texto pelo qual é exposto uma opinião sobre um determinado assunto, sendo composto por argumentos lógicos e tendem a convencer o leitor.

Dissertar é o mesmo que discorrer, ou seja desenvolver uma explicação perante a um tema. Sendo assim, o texto dissertativo faz parte dos textos expositivos, juntamente com o texto de apresentação científica, didático, artigo ou relatório. Apresentam características essencialmente informativa.

O texto dissertativo pode ser classificado como:

Os Direitos Humanos Fundamentais na Constituição Federal

Em 10 de dezembro de 1948 surge a Declaração Universal dos direitos humanos. Este documento foi uma tentativa de criar parâmetros humanitários universais para todos os homens, independente de raça, cor, religião, sexo e etc. Este documento é oficializado através da resolução 217 das Nações Unidas que o Brasil assina.

 

DIREITOS HUMANOS E DIREITOS FUNDAMENTAIS É A MESMA COISA?

A diferença entre direitos humanos e direitos fundamentais não está no conceito, pois ambos possuem a mesma essência e finalidade, que é de assegurar um conjunto de direitos inerentes à dignidade da pessoa humana.

Estilística

A estilística é um recurso da linguística relacionado com o estilo da linguagem utilizada, tanto oral quanto escrita. É o estudo da variação da língua para atribuir às palavras e frases, sentidos emotivos e estéticos. A estilística trabalha com o contexto no qual as palavras se inserem para identificar os diversos sentidos. Através de recursos sintáticos, fonológicos e semânticos, os chamados recursos estilísticos, é possível ir além do significado literal das palavras, aumentando a emotividade da mensagem e sugestionando o interlocutor.

Figuras de linguagem

Sintaxe

Sintaxe

A sintaxe é a parte da gramática que estuda a posição que as palavras ocupam numa oração, analisando a estrutura da frase. Estuda também as relações que as palavras estabelecem entre si e a relação que existe entre as diversas orações que compõem um período.A Sintaxe é uma das partes da Gramática na qual são estudadas as disposições das palavras nas orações, nos períodos, bem como a relação lógica estabelecida entre elas. Ao emitir uma mensagem verbal, o emissor procura transmitir um significado completo e compreensível. Para isso, as palavras são relacionadas e combinadas entre si.  A sintaxe é um instrumento essencial para o manuseio satisfatório das múltiplas possibilidades que existem para combinar palavras e orações

Semântica

Semântica é um ramo da linguística que estuda o significado das palavras, frases e textos de uma língua.

Ela é dividida em:

Descritiva ou sincrônica – a que estuda o significado atual das palavras.

Histórica ou diacrônica – a que estuda as mudanças que as palavras sofreram no tempo e no espaço.

 

Significação das palavras:

Morfologia

MORFOLOGIA

Trata-se do estudo a respeito da estrutura, formação e classificação das palavras isoladas de seu contexto e de suas funções nas orações e nos períodos.

O objetivo da Morfologia é estudar as palavras isoladas e não a partir da sua função na frase ou período, como ocorre com a Sintaxe.

Segundo uma análise morfológica, as palavras são divididas em dez classes gramaticais: substantivo, artigo, adjetivo, pronome, numeral, verbo, advérbio, preposição, conjunção e interjeição.

Prisão – conceito, espécies

Prisão – conceito, espécies

 

CONCEITO

Conforme lição do doutrinador Fernando Capez, “prisão é a privação de liberdade de locomoção determinada por ordem escrita da autoridade competente ou em caso de flagrante delito”. A prisão é um “castigo” imposto pelo Estado ao condenado pela prática de infração penal, para que este possa se reabilitar visando restabelecer a ordem jurídica violada.