Menu fechado

FONÉTICA: fonema e letra; classificação dos fonemas (vogais, semivogais e consoantes); encontros vocálicos; encontros consonantais; dígrafos; sílabas; tonicidade das sílabas.

APOSTILA CRM-MS 2020

APOSTILA CÂMARA DE ARACAJU-SE 2020

10 DICAS DE COMO ESTUDAR E APRENDER

10 DICAS PARA PASSAR EM UM CONCURSO PÚBLICO

COMO ESTUDAR COM SONO

FONÉTICA: fonema e letra; classificação dos fonemas (vogais, semivogais e consoantes); encontros vocálicos; encontros consonantais; dígrafos; sílabas; tonicidade das sílabas.

 

Fonética:

É a parte da linguística que estuda e classifica os sons produzidos pela fala humana.

 

Fonema e letra:

Fonema: É a menor unidade sonora de uma língua que combinados formam as sílabas, as palavras e a frase.

Ex.: Mata tem 4 fonemas /m/a/t/a

Letra: É a representação gráfica do fonema

Nem sempre em uma palavra tem o mesmo número de letras e fonemas

Exs.: Táxi tem 4 letras e 5 fonemas (/t/á/k/s/i/)

Galho tem 5 letras e 4 fonemas (/g/a/lh/o)

 

Classificação dos fonemas:

Os fonemas são classificados em vogais, semivogais e consoantes;

 

Vogais

Vogal é o fonema que passa pela boca ou nariz sem obstáculo.

No português são cinco as letras que representam as vogais: A, E, I, O, U.

 

Classificação das vogais:

 

Quanto ao papel das cavidades, bucal e nasal (oralidade e nasalidade)

Orais: quando o ar sai somente pela boca.

Ex.: /a/, /e/, /i/, /o/, /u/. Pá ou vivo

Nasais: quando o ar sai pela boca e pelo nariz.

Ex.: /ã/ rã ou tampa

 

Quanto à intensidade

Vogal tônica: Ela é pronunciada com maior intensidade. Cada palavra possui somente uma vogal tônica.

Exs.: tupi e bola

Vogal átona: Ela é pronunciada com menor intensidade. Fica na sílaba mais forte da palavra

Não levam acento, mas pode ter o til /~/. Pode ter mais de uma vogal átona ou nenhuma.

Exs.: tupi, bola e órgão

 

Quanto ao timbre (abertura da boca)

Vogais abertas: Quando se abre bem a boca

Exs.: Amora e lata.

Vogais fechadas: Quando se abre o mínimo a boca.

Ex.: Mês e êxodo.

Vogais reduzidas: Vogais reduzidas no timbre (vogais átonas orais ou nasais) e geralmente está no final da palavra.

Exs.: Cara e gente

 

Quanto a zona de articulação

Vogais posteriores: São as vogais pronunciadas com a língua posicionada no fundo da boca.

São as vogais “ô”, lobo “ó” óleo e “u” bule.

Vogais anteriores: São as vogais pronunciadas com a parte anterior da língua.

São as vogais “ê” você, “é” pé e “í” júri.

Vogais centrais: São as vogais pronunciadas com a língua posicionada no centro da boca.

É a vogal “a” pasta.

 

Semivogais

As semivogais não ocupam a posição de núcleo da sílaba. Somente os fonemas fonemas /i/ e /u/ em ditongos e tritongos são considerados semivogais.

Um ditongo é sempre formado por uma vogal mais uma Semivogal.

No tritongos, todos eles são formados por uma vogal intercalada entre duas semivogais.

Ex.: pai: uma sílaba, então o /i/ é uma semivogal

País: pa-ís: o //i/ formou uma nova sílaba então ele é uma vogal

 

Consoantes

Consoantes são fonemas que não conseguem funcionar como um núcleo silábico porque ao serem pronunciados tem obstáculos na boca e precisam das vogais para serem pronunciadas.

São classificadas da seguinte forma:

 

Quanto a função das cordas vocais:

Consoantes surdas: Sem vibração das cordas vocais. f, k, p, c, s, t, x, ch.

Consoantes sonoras: Com vibração das cordas vocais. b, d, g, j, l, lh, m, n, nh, r, v, z.

 

Quanto ao modo de articulação

Oclusivas: Bloqueio total do ar. p, t, k, b, d, g

Constritivas existe um bloqueio parcial do ar. Restantes da consoantes

 

Quanto ao ponto de articulação

Consoantes bilabiais: Os dois lábios se tocam: p, b, m.

APOSTILA CRM-MS 2020

APOSTILA CÂMARA DE ARACAJU-SE 2020

10 DICAS DE COMO ESTUDAR E APRENDER

10 DICAS PARA PASSAR EM UM CONCURSO PÚBLICO

COMO ESTUDAR COM SONO

Consoantes Labiodentais: Lábio em contato com os dentes superiores: f e v

Consoantes dentais: A língua entre os dentes: t, d e n.

Consoantes alveolares: Língua + alvéolos dos dentes: s, z, l e o “r” fraco

Consoantes palatais: Língua em contato com o céu da boca (palato): j, ch, lh e nh

Consoantes velares: Parte superior da língua + palato mole: k, g e rr

 

Encontros vocálicos:

Um encontro vocálico quando duas letras com sons vocálicos estão na mesma palavra, mesmo que estejam em sílabas separadas.

Existem três tipos de encontros vocálicos: ditongo, tritongo e hiato

 

DITONGO

É um encontro vocálico entre uma vogal (som mais forte) e uma semivogal (som mais fraco) em uma mesma sílaba.

O ditongo pode ser crescente ou decrescente e oral ou nasal

 

Ditongo Crescente: o encontro de uma semivogal (mais fraca) e uma vogal (mais forte), na mesma sílaba e nesta sequência, ou seja, o som é crescente.

Exs.: Gênio e mágoa.

Ditongo Decrescente: o encontro de uma vogal (mais forte) e uma semivogal (mais fraca), na mesma sílaba e nesta sequência, ou seja, o som é decrescente.

Exs.: Mais e leite.

Ditongo Oral: O som sai totalmente pela boca, a vogal é oral

Ex.: Ouvir e tranquilo.

Ditongo Nasal: O som sai pelo nariz produzindo um som nasalizado. A vogal é nasal

Exs: Quanto e frequência.

 

TRITONGO

É a sequência de três letras com sons vocálicos na mesma sílaba onde uma vogal aparece entre duas semivogais.

Exs: Paraguai e quão

O tritongo pode ser nasais ou orais como as mesmas regras ditongos.

Tritongos orais: Paraguai e quais.

Tritongos nasais: Saguão e enxáguem.

 

HIATO

O encontro de duas vogais em sílabas diferentes.

Exs: democracia e ruim.

 

Encontro consonantal

O encontro consonantal é quando duas ou mais consoantes se encontram em uma palavra sem a existência de uma vogal entre elas.

Tem dois tipos: Puros ou perfeito ou próprios e disjuntos ou imperfeitos ou impróprio

 

Puros ou perfeitos ou próprios: Ocorre quando estão na mesma sílaba.

Exs.: Palavra e flores

 

Disjuntos ou imperfeitos ou impróprios: Ocorre quando estão em sílabas diferentes

Exs: Advogado e costas.

 

Dígrafo

Dígrafo é o encontro de duas letras que emitem um único fonema (som)

Exs.: Nascer e máquina.

Os dígrafos podem ser Vocálicos ou Consonantais

Dígrafos vocálicos: Duas letras com som de vogal (vocálico)

Exs.: Ambíguo e cachimbo

Dígrafos consonantais: Duas letras com som de consoante (consonantal)

Exs: Vinho e passeio

 

Sílabas

As sílabas são fonemas ou grupos de fonemas que são expressa por um som na qual seu núcleo é uma vogal. O número de sílabas é igual ao número de vogal.

Classificação das palavras quanto ao número de sílabas.

Monossílabas: possuem apenas uma sílaba. Exs: mãe e mês.

Dissílabas: possuem duas sílabas. Exs: Time e café.

Trissílabas: possuem três sílabas. Exs: Maldade e cinema.

Polissílabas: possuem quatro ou mais sílabas. Exs: Cinderela e literatura.

 

Tonicidade das sílabas (intensidade)

 

As sílabas classificam-se em átonas e tônicas conforme a sua intensidade

Sílabas átonas: A pronúncia tem menor intensidade

Exs.: A-ba-ca-xi e Te-le-fo-ne

Sílabas tônicas: A pronúncia tem maior intensidade.

Exs.: A-ba-ca-xi e Te-le-fo-ne

Classificação da sílaba quanto a intensidade

Classificação das palavras quanto à posição da sílaba tônica

De acordo com a posição da sílaba tônica, as palavras que têm duas ou mais sílabas são classificados em:

Oxítonas: são aqueles cuja sílaba tônica está na última sílaba. Exs: urubu e abacaxi

Paroxítonas: são aqueles cuja sílaba tônica está na penúltima sílaba. Exs: banana e amizade

Proparoxítonos: são aqueles cuja sílaba tônica está na antepenúltima. Exs: líquido e íntimo

Dicas importantes:

 

Gran Curso Online: Milhares de videoaulas e PDF. 230 mil questões de concursos e com mais de 650 mil aprovados. Saiba porque recomendo!

 

Apostilas Opção: 26 anos no mercado, produzindo apostilas completas e atualizadas. Saiba por que recomendo! 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *